Friday, June 07, 2013

O Alçapão (L.F. Riesemberg)



Ele estava sozinho no porão arrumando as centenas de caixas empoeiradas perdidas no tempo. Foi quando percebeu algo estranho debaixo delas, e teve uma surpresa: havia uma porta no chão, que levava a algum lugar abaixo do subsolo.
-Olá, tem alguém aí? – gritou para o buraco.
Não houve resposta.
Mas alguma coisa se movia nas trevas profundas. O que quer que fosse estava vivo, mesmo depois de décadas sem que abrissem aquela porta.
Ele quis subir correndo as escadas do porão, mas a coisa foi mais rápida.
-Obrigado por me libertar! – disse a criatura. -Agora é a sua vez de conhecer a escuridão.
E o trancou no alçapão, empurrando as caixas sobre a pesada tampa de madeira.

3 comments: